8 de ago de 2013

Versação



3 comentários:

Anônimo disse...

oi, vivo o verso do diverso que escrevo ainda,.como sempre poeta que se apaixona por sua escrita .

Paixão disse...

achei mto Leminski!

Paixão disse...

moinho de versos
movido a vento
em noites de boemia

vai vir o dia
quanto tudo que eu diga
seja poesia

p. leminski