5 de jan de 2016

Longo

Estou morrendo
longo e devagar.
pois quem morre
de amor não morre
de repente.


Nenhum comentário: