19 de jul de 2010

A Tragédia de Serafim


9 comentários:

Sentimental ♥ disse...

serafim e tantos outros...

Patty disse...

Guerreiro esse Serafim e muito corajoso! Bonito poema!!!

Dai disse...

Mas acho que mesmo com esse começo não tem jeito. O Serafim traz seu destindo desde o batismo

=*

Lucas Gondim disse...

bom, muito bom. gosto dessas doses de realidade "nua e crua" que as vezes permeiam seus textos.

Talita Prates disse...

Será Serafim primo-parente de Fabiano ou Severino?

Lindo texto, Lucão!

Um bjo,

Talita.

Cris de Souza disse...

Bacana teu espaço, mocinho.

Gosto desse "que" irreverente.

Renata de Aragão Lopes disse...

Gostei muito daqui!

Adicionarei o espaço
às minhas "delícias alheias"!

Beijo,
Doce de Lira

Sylvia Araujo disse...

Esse ficou tão profundo que apertou o peito. E é tudo, a vida, a imagem, a sina - Serafina.

Lindo!

Beijoca, rapaz

tonhOliveira disse...



Um SER a fim...com algum afim!